Um Sítio...Joaquim Vairinhos

Um Sítio...Joaquim Vairinhos
Poesia e Prosa

domingo, 11 de março de 2012

Sou uma pessoa muito rica...
Vivi o que não podes imaginar...
Não imaginas o que viajei…
Amei o que não podes imaginar...
Não imaginas como me dei…
Sofri como podes imaginar...
Desci aos infernos das almas dos amigos...
Como podes não acreditar…
Abracei as invejas dos meus inimigos…
Sou rico…
Construí um império nos sentidos…
Encontrei amigos onde não se pode 
Imaginar…
Amores de difícil encontrar…
Na poesia velha amante clandestina
Vim aportar…

Joaquim Vairinhos

Nenhum comentário:

Postar um comentário