Um Sítio...Joaquim Vairinhos

Um Sítio...Joaquim Vairinhos
Poesia e Prosa

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Graça

Noite sem prazer foi tua
retida horas e horas
duraste longa espera nela.

Não importa que bebas ou sorrias
mostres o sol no olhar durante o dia
numa beleza feliz e aparência sem fim
se tua vida está contida, livre
e condicionada.
Que esperada ventura aguardas
sem exteriorizares tudo que há em ti.

Quimeras de desejo afloram
nos cantos dos olhos e lábios, belos
como flores de jardim abrindo-se
para todos, e para mim.

Quem me dera, quem pudera,
ter-te mesmo assim numa eterna
Primavera.

emília casanova, in "Coisas do Coração"

Nenhum comentário:

Postar um comentário