Um Sítio...Joaquim Vairinhos

Um Sítio...Joaquim Vairinhos
Poesia e Prosa

sábado, 29 de dezembro de 2012



2013

espera-se um ano sem brilho
cinzento pardo de cor indefinida 
daqueles dias meses de desilusão...

procuremos as coisas simples :

temos sol na retina dos olhos
mar cama de mágoas como colchão

temos letras alinhavadas em livros
de histórias romances poesia ficção

manhãs para erguermos
as taças da amizade tardes para
celebrarmos amores nos braços
da lua que anoitece

temos pés que caminham na
areia de mãos dadas
na sedução das flores
nos ramos
verdes dos jardins
e aquele
cálice de vinho casando conversas

temos um ombro amigo aconchegante
uns lábios de amor sempre presentes
olhares de crianças sorridentes

temos tristeza certamente
dancemos com ela
no arco íris da tempestade
aguardando tempos de bonança

porque ela virá mais tarde

joaquim vairinhos

Nenhum comentário:

Postar um comentário