Um Sítio...Joaquim Vairinhos

Um Sítio...Joaquim Vairinhos
Poesia e Prosa

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Nas esquinas do horizonte azul
onde as asas livres planam
com ventos suaves e quentes
de mornas tardes de esperança,
navego.
Sei para onde vou
seguindo a bússola da intuição.
Corro mares.
Sigo aves de arribação,
sempre
sempre,
com um destino no coração.

Emílio Casanova, in "Afrodite"

Nenhum comentário:

Postar um comentário